Algumas entidades do setor de eventos que é importante conhecer

Se você vai organizar uma feira, um show ou qualquer outro tipo de evento e está meio perdido ou deseja ter uma maior segurança, fique por dentro das associações e órgãos especializados em auxiliar profissionais da área, coordenando, orientando e até mesmo defendendo, caso for necessário.

Você não precisa trilhar os seu caminho profissional sozinho. Conheça essas instituições especializadas, que certamente terão muitas oportunidades, contatos e serviços a te oferecer por um custo acessível.

1. Associação Brasileira de Empresas de Eventos (ABEOC)

A ABEOC está há mais de 30 anos no mercado prestando serviços às suas associadas, que hoje são mais de 500 empresas organizadoras, promotoras e prestadoras de serviços para eventos.

Presente em 13 estados, entre eles Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo, a Associação tem por objetivo defender os interesses das associadas, tornando a atividade de organização e prestação de serviços em eventos reconhecida, valorizada e respeitada no mercado. Além disso, a ABEOC incentiva o relacionamento entre suas associadas promovendo e apoiando encontros, debates, cursos e demais eventos e também fornece orientações sobre uma melhor atuação no mercado de acordo com a legislação brasileira.

Para se filiar você deve preencher uma Ficha de Associação disponível no site, enviar os documentos solicitados pela Instituição via e-mail e pagar uma taxa de filiação no valor de R$500. O valor da contribuição associativa mensal é de R$135.

2. Associação Brasileira de Centros de Convenções e Feiras (ABRACCEF)

Destinada aos proprietários de centro de convenções, teatros, exposições e outros, a ABRECCEF fornece informações relevantes sobre o setor aos seus filiados, presta assessoria técnica e jurídica e estimula as relações entre seus sócios, permitindo um intercâmbio de informação e conhecimento.

Os filiados desta Associação dispõem de canais para divulgação de seus espaços e produtos e podem utilizar o selo da marca em suas produções.

“ Nosso objetivo é atuar como instrumento de concórdia, contribuindo para a melhoria das relações profissionais e comerciais entre todos os segmentos compreendidos pela atividade dos centros de eventos.”

Para ser um associado, você passará por um processo de avaliação e, se aprovado, enviará as cópias de alguns documentos a serem solicitados. O valor da anuidade vai de R$4.400 a R$ 6.600 (dependendo do porte do seu espaço).

3. União Brasileira dos Promotores de Feiras (UBRAFE)

A UBRAFE representa as empresas envolvidas na organização, promoção, operação e montagem das principais feiras de negócios no Brasil há mais de 25 anos e, segundo Armando Campos Mello, presidente-executivo da UBRAFE, pode ser considera um selo de qualidade que identifica as melhores feiras do país. “Sob a liderança da UBRAFE, as feiras de negócios brasileiras tiveram um crescimento contínuo ao longo dos últimos 20 anos e consolidaram-se como os maiores e mais importantes encontros comerciais do Brasil”, relata Armando.

A entidade realiza promoção de feiras, exposições e eventos, sempre atuando no sentido de fortalecer o setor e divulga as principais oportunidades que surgem no mercado brasileiro por meio de um “Panorama das Principais feiras de Negócios”.

Os filiados, que só entram na Associação por meio de indicação de outro, têm a disposição uma equipe de profissionais que atendem demandas relacionadas com a imprensa, técnicas ou até jurídicas. Os associados contam ainda com acervo de documentos para pesquisa e consulta e salas de reuniões a disposição para realização de cursos e outras atividades.

4. International Congress and Convention Association (ICCA)

Presente em 87 países, a Associação Internacional de Convenções e Congressos pode ser um grande auxílio para os organizadores de eventos estrangeiros. Ela representa os principais especialistas em organização, transporte e acomodação de encontros internacionais e disponibiliza aos seus associados uma plataforma de serviços e contatos. Além disso, se filiando à ICCA você estará conectado a uma extensa rede de parceiros e fornecedores, tendo mais chances de realizar grandes negócios internacionais.

Para se filiar você deverá preencher um formulário de aplicação, solicitado através do site. Se aprovado, você pagará uma taxa de entrada e uma taxa anual para se tornar um associado (Entrada EUR 1,745.00 + Taxa anual de associado EUR 2,740.0 – valores informados pelo site segundo tabela de 2012).

5. Instituto Brasileiro de Turismo – Embratur

A Embratur não é uma associação, mas também pode entrar neste post por ser um órgão do Ministério do Turismo, criado em 1966, com o objetivo de promover e apoiar a comercialização dos destinos, serviços e produtos turísticos brasileiros no mercado internacional. Portanto, se o seu evento envolve turismo ou promoção da cultura brasileira em outro país, procure a Embratur para realizar um convênio ou um contrato de repasse. Entre os projetos apoiados pelo órgão estão aqueles de Promoção e Participação em Eventos Turísticos Nacionais e Internacionais, que podem ser objeto da celebração de convênios, termos e contratos de repasse do MTur.

Para pleitear um dos benefícios oferecidos, você deve primeiramente se cadastrar no Portal dos Convênios, informando os dados da sua empresa e da sua ação.

Por meio das associações e órgãos apresentados você pode alavancar o seu sucesso, pois estará incluído em uma rede ampla de contatos e oportunidades. Se você ainda é um produtor de pequeno porte, pesquise se há associações menores em sua própria cidade, de iniciativa privada ou pública. As prefeituras costumam ter ótimos projetos de auxílio para promoção do lazer e da cultura na cidade. Informe-se!

(Amanda Navarro – Jornalista)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *